AGORA, PERMITO-ME A(MAR)

tumblr_lu4jxqiPBn1qhdkc1o1_500

 

Sem conseguir perceber o que acontecia ao meu redor, me vi afogada. Sem esperança. Só eu e a solidão. Admito, não imaginei que ela seria assim, como o profundo de um oceano que me fazia refém. Sempre a imaginei seca, escura e mórbida. Eu, que vivia num estado de naufrágio constante, e que estava cansada da minha ilha de individualismo, me encantei de cara com a sua chegada. Nada me parecia mais incrível! Finalmente alguém resolvido a aproximar-se daquela terra ainda desconhecida. Alguém que eu poderia dividir ondas de alegria, e marés de desabafos. Senti encontrar meu porto seguro. E agora parecia ser pra sempre. É, parecia.

É difícil aceitar que me atirei tão confiante, e cai na margem. Sobre o castelo de areia que havíamos construído. Não o culpo, afinal, não se mede o tamanho da onda do outro por opiniões próprias. Eu, que pensei ser recíproco, não vi que era âncora de um bote tão pequeno. Pesou demais, né. Como você mesmo disse, não havia mais espaço para nós dois no mesmo embarque. Vamos para a prancha!

Mas não se preocupe com isso. Sei que hora ou outra, quando a maré baixar e me levar de volta ao solo, eu já vou estar bem. Não digo que vou apostar na mesma onda novamente, ou que vou velejar sem destino. Isso seria nadar contra a correnteza. Mas vou entender que a vida tem mesmo dessas coisas. Erro meu não ter olhado a minha bússola. Erro meu ter achado que o meu interesse dava-me o direito de fixar uma embarcação de lembranças onde eu quisesse. Erro meu não saber que os dois tinham que decidir em que direção navegar. Erro meu ter achado que era âncora, quando, na verdade, era a vela.

Agora já não sou só eu e a solidão. Já não sou eu a solidão.

BYS

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s