Stephen King | Tag Literária 📝

Oi amores! Fui indicada pelo Blog A Caçadora de Sonhos para responder uma Tag Literária bem legal. Então vamos lá!


1- Carrie, A Estranha   –  O primeiro livro que você se lembra ter lido:

A Branca de Neve –


2- O Pistoleiro – O primeiro livro de uma série que você ama:

O Jogo da Mentira – Sara Shepard ❤


3- Canção de Susannah – Um livro que tenha uma personagem feminina marcante:

Hazel Grace – A Culpa é das Estrelas;


4- Doutor Sono – Uma Sequência publicada anos depois:

O Sol é Para Todos – Harper Lee;


5- Escuridão Total Sem Estrelas – Um Livro de contos maravilhoso do começo ao fim:

A Menina que Colecionava Borboletas – Bruna Vieira;


6- Duma Key – Um livro com uma amizade memorável:

Marley & Eu – John Grogan;


7- A Maldição do Cigano – Um livro “magro” (pequeno) e ótimo:

Não se Apega não – Isabela Freitas;


8- Mago e Vidro – Um livro com um casal lindo:

John e Savannah – Querido John;


9- Jogo Perigoso  – Um livro que já se sentiu angustiado ao ler:

Antes de Partir – Bronnie Ware;

10- A Torre Negra – Um livro que você leu com dó de terminar:

Depois dos Quinze – Bruna Vieira ❤


🔎 INDICO os blogs:

Manias de Carol

Jéssica Lim

Normal Girl

Stalker De Moda


krh

Recadinho no papel 📝 | Fragmentado do livro DEPOIS DOS QUINZE 💞

fanfiction-bap-voce-esteve-sempre-em-meu-coracao-1747221,220320141413

Gritos, portas batendo, lágrimas, maquiagem borrada, chuva forte e, então, a solidão. Volte ao começo desse texto e leia isso todos os dias, por quase um ano. Foi o que ela fez por todo esse tempo. Relembrou e se lamentou.

Agora, não resta mais nada! Nem esperanças. Só um papel e uma caneta falhando. Escreveu no canto de uma folha, com um desenho qualquer: “Todo dia 28 só me deixa um mês mais longe de tudo o que vivi com você”.

É, por mais que no coração dela fosse difícil retirar aquele sentimento ocupador, que era ao mesmo tempo absurdamente vazio, ela sabia que era o que devia ser feito. Por mais que isso viesse a dilacerar inteiramente a doçura e inocência que ela carregava, era o que tinha que ser feito. E foi o que ela fez, é … aquele era o fim.